Xi se reunirá com emissários americanos para tratar acordo comercial

Trata-se da terceira rodada de negociações entre as duas potências com o objetivo de encerrar a guerra comercial

Pequim – O presidente da China, Xi Jinping, deve se reunir com principais membros da delegação dos Estados Unidos que estão em Pequim para a terceira rodada de negociações com o objetivo de encerrar a guerra comercial, segundo fontes citadas nesta quarta-feira pelo jornal “South China Morning Post”, de Hong Kong.

Segundo fontes citadas pelo jornal, o líder chinês teria acordado se encontrar na próxima sexta-feira com o chefe negociador comercial de Washington, Robert Lighthizer, e o secretário do Tesouro americano, Steven Mnuchin.

Se confirmado, Xi faria um gesto similar ao que teve o presidente americano, Donald Trump, quando se reuniu com o vice primeiro-ministro chinês Liu He, durante a última rodada de negociações.

Além disso, vazou que Liu, que lidera a equipe de negociação do seu país, oferecerá um brinde em homenagem aos delegados dos EUA durante um banquete a ser realizado no centro de Pequim.

De acordo com o jornal, estas ações seriam “um sinal de boa vontade” para tentar conseguir um acordo comercial dentro da trégua declarada no dia 1º de dezembro de 2019, cujo final está previsto para o próximo dia 1º de março.

No entanto, Trump se mostrou ontem disposto a estender a trégua, já que considera que as duas partes estão perto “de um acordo real”