Vendas pendentes de moradias nos EUA sobem 0,4% em março

Contratos para comprar moradias usadas aumentaram menos que o esperado no período

Washington – Os contratos para comprar moradias usadas aumentaram menos que o esperado em março, uma vez que a escassez de propriedades para venda limitou mais uma vez a atividade.

A Associação Nacional dos Corretores de Imóveis dos Estados Unidos informou nesta segunda-feira que o índice de vendas pendentes de moradias subiu para 107,6, um aumento de 0,4 por cento em relação a fevereiro e o segundo aumento mensal consecutivo. O índice de janeiro foi ligeiramente revisado para baixo para 107,2.

Economistas consultados pela Reuters previam que as vendas pendentes de moradias subiriam 1 por cento no mês passado.

Contratos residenciais pendentes são vistos como um indicador prospectivo da saúde do mercado imobiliário, porque se tornam vendas um a dois meses depois.