UE impõe tarifas antidumping a importações chinesas

As tarifas variam de 43,5% e 81,1% e serão aplicadas a tubos de aço e ferro sem costura, utilizados em usinas elétricas e na construção

Bruxelas – A União Europeia impôs hoje novas tarifas antidumping provisórias a importações de produtos de aço e ferro da China, numa nova tentativa de proteger siderúrgicas europeias pressionadas pelo excesso de capacidade produtiva.

As tarifas variam de 43,5% e 81,1% e serão aplicadas a tubos de aço e ferro sem costura, que são utilizados em usinas elétricas, na construção e também na indústria de petróleo e gás.

A punição veio após inúmeras companhias europeias reclamarem que concorrentes chineses estariam vendendo alguns produtos de aço para a Europa a preços injustamente baixos.

As tarifas anunciadas hoje são as últimas de uma série de medidas antidumping adotadas contra o aço chinês.

O braço executivo da UE, a Comissão Europeia, informou que irá decidir em até seis meses se irá tornar as tarifas definitivas e estender as restrições por um período de cinco anos.

Fonte: Dow Jones Newswires.