Statoil adquire 25% do campo Roncador por US$ 2,9 bilhões

A transação com a Petrobras "quase triplica a produção da Statoil" no país, disse a empresa em nota

A gigante petroleira norueguesa Statoil anunciou, nesta segunda-feira, a aquisição de 25% de participação na bacia do Roncador, campo petrolífero da bacia de Campos, por 2,9 bilhões de dólares.

A transação com a Petrobras “quase triplica a produção da Statoil” no país, disse a empresa em nota.

O grupo já opera no campo Peregrino e um bloco petrolífero, ambos da bacia de Campos, além de outro bloco na bacia de Santos.

“A transação acrescenta material e produção atraentes de longo prazo para nosso portfólio internacional, ampliando a posição do Brasil como área central para a Statoil”, disse o CEO Eldar Saetre em nota.

A gigante do setor energético, que é 67% controlada pelo Estado norueguês, está aumentando investimentos fora do país para compensar a queda da produção local.

Ativa nos setores de desenvolvimento, produção e exploração de petróleo no Brasil, a Statoil disse que é “uma das maiores produtoras” no país.