Setor público tem superávit primário de R$ 13,44 bi em abril

Este resultado é o maior desde janeiro deste ano, quando ficou positivo em R$ 21,062 bilhões

Brasília – O setor público consolidado (Governo Central, Estados, municípios e estatais, com exceção da Petrobras e Eletrobras) apresentou superávit primário de R$ 13,445 bilhões em abril, de acordo com dados divulgados nesta sexta-feira, 29, pelo Banco Central.

Este resultado é o maior desde janeiro deste ano, quando ficou positivo em R$ 21,062 bilhões. A atual série histórica do BC teve início em dezembro de 2001.

Em março, as contas públicas tinham registrado superávit primário de R$ 239 milhões, o pior resultado para o mês desde 2002. Apesar de positivo, o resultado do mês passado ficou menor do que o de abril de 2014, quando houve superávit de R$ 16,896 bilhões.

Em abril, o Governo Central (Tesouro Nacional, Banco Central e Previdência) teve superávit de R$ 10,638 bilhões e os governos regionais (Estados e municípios) tiveram resultado positivo de R$ 2,599 bilhões (R$ 2,270 bilhões dos Estados e R$ 329 milhões dos municípios).

Já as empresas estatais registraram superávit primário de R$ 208 milhões.

O valor de R$ 13,445 bilhões de abril ficou acima das estimativas dos 13 analistas do mercado financeiro ouvidos pelo AE Projeções, que iam de superávit de R$ 8,5 bilhões a R$ 12,1 bilhões, com mediana positiva de R$ 11 bilhões.