Schaeuble: Eurozona e FMI apoiam recompra de dívida grega

Ministro das Finanças da Alemanha disse que ambos os orgãos concordaram com a medida com o objetivo de cobrir as necessidades financeiras do país

Berlim – O ministro das Finanças da Alemanha, Wolfgang Schaeuble, afirmou nesta quarta-feira que os governos da zona do euro e o Fundo Monetário Internacional (FMI) concordaram com um programa de recompra de dívida grega, entre uma série de medidas, com o objetivo de cobrir as necessidades financeiras do país.

Schaeuble também afirmou a repórteres que nenhuma das medidas sob avaliação para ajudar a Grécia irá afetar o plano de orçamento de 2013 da Alemanha e afirmou que a câmara baixa do Parlamento deverá ter condições de voltar sobre mais ajuda a Atenas até o final da próxima semana.

“Medidas adicionais são necessárias (para a Grécia) e falamos sobre isso intensivamente com o Fundo Monetário Internacional. Concordamos essencialmente que o déficit (de financiamento) pode e será preenchido, que um programa de recompra de dívida grega no mercado será realizado”, disse ele.

Schaeuble falou após ministros das Finanças da zona do euro e o FMI terem falhado pela segunda semana em alcançar um acordo para liberar ajuda emergencial à Grécia.