Revisão das contas de luz deve começar a valer em março

Estimativa de associação mostra que as revisões extraordinárias das tarifas de energia elétrica deverão começar a valer a partir do dia 1º de março

As revisões extraordinárias das tarifas de energia elétrica deverão começar a valer a partir do dia 1º de março.

A estimativa é do presidente da Associação Brasileira de Distribuidoras de Energia Elétrica (Abradee), Nelson Leite.

“A ideia é começar a valer em março, porque as contas vão chegar para pagar”, disse hoje (5).

A revisão extraordinária deverá ser aplicada para todas as distribuidoras de energia do país, com o objetivo de cobrir os custos extras com a geração de energia. Ainda não há uma definição sobre quanto será o aumento e cada uma das distribuidoras deverá ter um índice diferente.

Entre os itens que serão levados em conta para calcular o reajuste estão o pagamento das cotas da Conta de Desenvolvimento Energético (CDE) e o impacto do aumento das tarifas da Usina de Itaipu

Amanhã (6), a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) vai debater, em reunião extraordinária, os critérios para calcular os índices de revisão extraordinária.

A reunião da Aneel também vai discutir o reajuste nos valores cobrados pelo sistema de bandeiras tarifárias. Leite diz que não há uma estimativa de quanto será o aumento.

“Eu não arriscaria neste momento a falar em nenhum número, depende de quais os custos serão cobertos”.  As duas propostas devem passar por audiência pública.