Resultado do fluxo cambial de junho é menor que em 2011

No primeiro semestre, o fluxo cambial só ficou negativo em maio, quando as saídas superaram as entradas em US$ 2,691 bilhões

Brasília – Com o resultado positivo de junho de US$ 318 milhões, o saldo da entrada e saída de dólares do país, fluxo cambial, fechou o primeiro semestre do ano positivo em US$ 22,944 bilhões, informou hoje (4) o Banco Central (BC). No primeiro semestre do ano passado, o saldo positivo (US$ 39,833 bilhões) foi 42,3% maior do que o registrado nos seis primeiros meses de 2012.

No primeiro semestre, o fluxo cambial só ficou negativo em maio, quando as saídas superaram as entradas em US$ 2,691 bilhões.
No mês passado, o segmento financeiro (investimentos em títulos, ações, remessas de lucros e dividendos ao exterior, entre outras operações) ficou positivo em US$ 1,280 bilhão. Nos seis meses do ano, acumulou saldo positivo de US$ 2,81 bilhões, uma redução de 88,1% em relação a igual período de 2011 (US$ 23,64 bilhões).

Já o segmento comercial (operações relacionadas a exportações e importações) registrou saldo negativo de US$ 962 milhões, em junho, e acumulou resultado positivo de US$ 20,134 bilhões nos seis meses do ano, com aumento de 24,3% em relação ao primeiro semestre de 2011 (US$ 16,193 bilhões). O mês de junho foi o único do ano com resultado negativo.

O BC também informou que os bancos fecharam junho na posição comprada (indica expectativa de alta do dólar) de US$ 2,287 bilhões.