Registro de carros novos na UE cai ao menor nível desde 1993

A situação é diferente de acordo com cada país, com altas no Reino Unido, leve retrocesso na Alemanha e forte queda na França

Paris – O registro de carros novos na União Europeia caiu em novembro pelo 14º mês consecutivo em 10,3% em ritmo anual, ao menor nível desde 1993 nos primeiros 11 meses do ano, anunciou nesta sexta-feira a ACEA (Associação Europeia de construtores automotivos).

Como nos meses anteriores, a situação é diferente de acordo com cada país, com altas no Reino Unido, leve retrocesso na Alemanha e forte queda na França, Itália e Espanha.

A evolução também difere segundo as montadoras, com queda para as francesas PSA Peugeot Citroen e Renault, a italiano Fiat e a americano General Motors com sua marca Opel.

Por sua vez, sobem as marcas alemãs “premium” como BMW (+3,8%), Mercedes-Benz (+1,2%), enquanto a Audi sofre baixa de 2,9%.

Nos 11 primeiros meses do ano, o retrocesso dos registros dos 27 (sem Malta, cujos dados não estão disponíveis) foi de 7,6%, a 11,26 milhões de carros, o menor nível desde 1993, segundo a ACEA.