Redução da meta de 2016 busca ajudar economia, diz Barbosa

Nesta quinta-feira, o Congresso Nacional chancelou a meta de primário equivalente a 0,5 por cento do Produto Interno Bruto

Brasília – A redução da meta de superávit primário de 2016 tem o objetivo de estabilizar os níveis de investimento e ajudar a economia, afirmou o ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, defendendo porém que o objetivo deveria ter margem para absorver flutuações macroeconômicas.

Nesta quinta-feira, o Congresso Nacional chancelou a meta de primário equivalente a 0,5 por cento do Produto Interno Bruto (PIB) para 2016, mas sem a possibilidade de abatimentos, ao aprovar a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).