Reabastecimento: Cade autoriza distribuidoras a compartilhar equipamentos

Entidade permitiu que colaboração ocorra por um período de 15 dias, após fim da paralisação dos caminhoneiros, para normalizar oferta de combustíveis

São Paulo – O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou nesta terça-feira uma petição apresentada por Raízen, BR Distribuidora e Ipiranga, propondo medidas para acelerar a retomada da distribuição de combustíveis ao fim da greve de caminhoneiros.

As distribuidoras propuseram compartilhar por 15 dias os equipamentos logísticos para normalizar o abastecimento o mais rapidamente, prazo que poderá ser encurtado, de acordo com o presidente do Cade, Alexandre Barreto.

“É um pedido excepcional, estranho à defesa da concorrência, mas circunstâncias excepcionais exigem medidas excepcionais”, disse o conselheiro João Paulo Resende durante a votação.

(Por Bruno Federowski)