Produção industrial está abaixo do pico histórico, diz IBGE

A produção industrial em agosto ficou 6,2% abaixo do pico histórico, registrado em junho de 2013

Rio – A produção industrial em agosto ficou 6,2% abaixo do pico histórico, registrado em junho de 2013, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

“Quando olhamos em termos de importância o que explica a redução do ritmo total da indústria, é claro que a parte de veículos automotores é a atividade que mais impacta”, disse André Macedo, gerente da Coordenação de Indústria do órgão.

No acumulado do ano até agosto, a produção do setor de veículos recuou 18,8%. “Nesta comparação, 94% dos produtos do setor de veículos automotores estão com queda”, citou Macedo.

“O peso do setor (de veículos) varia entre 10% e 11% do total da indústria, mas a importância ultrapassa esse peso, devido ao encadeamento com outros segmentos, como metalurgia, outros produtos químicos, borracha e plástico”, destacou.

No desempenho da indústria em agosto ante agosto de 2013, com queda de 5,4%, as perdas de veículos automotores também são o principal impacto. No setor, essa queda foi de 25,6%. “A principal atividade que explica a perda de ritmo do total da indústria é a de veículos automotores”, frisou.

O mês de agosto de 2014 teve um dia útil a menos que no ano passado, mas isso não influenciou o resultado, segundo o gerente. “Quando se compara o patamar atual ao que a indústria operava no ano passado, está claramente abaixo”, disse.