Presidente do Fed de NY estima até quatro aumentos de juros em 2018

William Dudley estima que política monetária deveria alcançar um ritmo "neutro" no longo prazo, com taxas de juros de cerca de 3%

O presidente do Federal Reserve (Fed, o Banco Central americano) de Nova York, William Dudley, estimou nesta segunda-feira (16) que a instituição aumentará os juros em entre “três e quatro” ocasiões neste ano.

“Três, ou quatro, altas de taxas parecem ser uma expectativa razoável para este ano”, afirmou o diretor do Fed, em entrevista à emissora de notícias econômicas CBNC.

Em março, os membros da instituição monetária decidiram por unanimidade aumentar as taxas em um quarto de ponto, para deixá-las na faixa de 1,50% a 1,75%.

Dudley, que deixará o Fed de Nova York em junho, acrescentou que a longo prazo a política monetária deveria alcançar um ritmo “neutro” com taxas de juros de cerca de 3%.