Premiê do Japão diz que economia não está mais em deflação

Ele disse que o governo vai adotar três novos pilares do "Abenomics"

Tóquio – O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, afirmou nesta quinta-feira que a economia do país não está mais em deflação, e que se aproxima de um fim sustentado de anos de persistentes quedas de preço.

“Sem uma economia forte, não teremos esperanças para o futuro”, disse Abe em entrevista à imprensa.

Ele disse que o governo vai adotar três novos pilares do “Abenomics”: impulsionar a economia, oferecer suporte às famílias com crianças e promover reformas do bem-esta social.