Preços de produtos na porta da fábrica sobem 0,97% em agosto

O IPP de indústrias de transformação e extrativa acumula altas de 4,63% no ano e de 7,27% em 12 meses

Rio de Janeiro – O Índice de Preços ao Produtor (IPP) registrou alta de 0,97% em agosto, informou nesta sexta-feira, 25, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Em julho, a taxa ficou em 0,72%, conforme dado revisado nesta sexta a partir da incorporação da indústria extrativa no cálculo (na leitura inicial, sem indústria extrativa, o avanço era de 0,68%).

O IPP mede a evolução dos preços de produtos na “porta da fábrica”, sem impostos e fretes, de 23 setores da indústria de transformação, além da indústria extrativa. A divulgação de hoje inaugura a inclusão do setor extrativo no IPP.

Considerando apenas a indústria extrativa, houve queda de 8,70% nos preços em agosto, após avanço de 1,86% em julho. Já a indústria de transformação registrou alta de 1,29% no IPP no mês passado, após elevação de 0,68% em julho.

Com o resultado anunciado há pouco, o IPP de indústrias de transformação e extrativa acumula altas de 4,63% no ano e de 7,27% em 12 meses.