Preços ao produtor brasileiro caem 0,29%, 5º recuo seguido

Essa foi a primeira vez desde o início da série histórica, em 2010, em que houve cinco quedas mensais seguidas

Rio de Janeiro – O Índice de Preços ao Produtor caiu 0,29 por cento em julho, após deflação de 0,16 por cento em junho, quinto mês seguido de recuo, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quarta-feira.

“É um movimento generalizado (de queda), como ainda não se tinha visto até então. Em julho houve influência da safra, principalmente de cana, e pode ter também um efeito da atividade econômica mais baixa trazendo os preços para baixo”, disse o economista do IBGE responsável pela pesquisa, Alexandre Brandão.

Ele destacou que essa foi a primeira vez desde o início da série histórica, em 2010, em que houve cinco quedas mensais seguidas. O IBGE revisou o dado de junho depois de anunciar anteriormente queda de 0,13 por cento.