Coronavírus: Powell diz que economia dos EUA vai bem, mas Fed pode agir

Há expectativas de que a autoridade monetária dos EUA possa reduzir os juros no país para evitar estagnação devido ao coronavírus

São Paulo — O chairman do Federal Reserve (Fed, banco central dos Estados Unidos), Jerome Powell, disse nesta sexta-feira que a economia dos EUA permanece em condição sólida, embora o surto de coronavírus represente um risco, e que o banco central agirá como apropriado para fornecer apoio.

Há expectativas de que a autoridade monetária dos EUA possa reduzir os juros no país para evitar estagnação devido ao coronavírus.

“Os fundamentos da economia norte-americana permanecem fortes”, disse Powell em comunicado divulgado em meio a uma contínua onda de vendas nas bolsas de valores globais.

“No entanto, o coronavírus apresenta riscos crescentes para a atividade econômica. O Federal Reserve está monitorando de perto os desenvolvimentos e suas implicações para as perspectivas econômicas. Usaremos nossas ferramentas e agiremos conforme apropriado para apoiar a economia.”