Política monetária deve se manter “especialmente vigilante”

Comitê de Política Monetária do Banco Central salientou na ata da última reunião que a política monetária deve minimizar riscos

Brasília – O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central salientou na ata da última reunião que no cenário atual “a política monetária deve se manter especialmente vigilante, de modo a minimizar riscos de que níveis elevados de inflação como o observado nos últimos 12 meses persistam no horizonte relevante”.

O Copom também destacou na ata, divulgada nesta quinta-feira, que a depreciação cambial dos últimos trimestres “constitui fonte de pressão inflacionária em prazos mais curtos” e que “os efeitos secundários dela decorrentes, e que tenderiam a se materializar em prazos mais longos, podem e devem ser limitados pela adequada condução da política monetária”.