PIB dos EUA tem leve revisão para baixo a 3,1%

A medida foi ligeiramente abaixo do ritmo estimado no mês passado

Washington — A economia dos Estados Unidos avançou a uma taxa anualizada de 3,1% no primeiro trimestre de 2019, segundo dados divulgados nesta quinta-feira pelo Departamento de Comércio.

Embora o número sobre o avanço do Produto Interno Bruto (PIB) do país seja inferior aos 3,2% calculados anteriormente pelo órgão, ele mostra a solidez da economia americana no início deste ano.

Segundo o Escritório de Análise Econômica, agência do Departamento de Comércio responsável pela elaboração e divulgação dos dados do PIB, as despesas dos governos estaduais e locais, o comércio e o investimento privado em estoques foram os principais motores da aceleração econômica nos primeiros trimestres deste ano.

O consumo das famílias, que representa dois terços da atividade econômica americana, cresceu em um ritmo anual de 1,3%, de acordo com o Escritório de Análise Econômica, a menor alta recente.

Apesar disso, os dados confirmam o bom momento da maior economia mundial, que fechou o ano passado com um avanço de 2,9%, o maior registrado desde 2015.

O Federal Reserve (Fed), o banco central dos Estados Unidos, tem descartado a hipótese de elevar as taxas de juros do país neste ano e diminuiu as perspectivas de crescimento de 2,3% para 2,1%.

A Casa Branca, por outro lado, mantém o otimismo e na última proposta orçamentária enviada ao Congresso projetou um avanço do PIB de mais de 3% neste ano.