Partido da coalizão diz que não irá apoiar acordo da Grécia

O ministro da Defesa, Pano Kammenos, líder do partido, disse que não pretende deixar o governo, mas acrescentou que não irá juntar-se a uma unidade nacional

Atenas – O partido Gregos Independentes, de direita, que faz parte da coalizão do governo da Grécia, afirmou que não irá apoiar o acordo do país com os credores internacionais anunciado nesta segunda-feira, descrevendo a proposta como “um golpe orquestrado pela Alemanha e outros países”.

O ministro da Defesa, Pano Kammenos, líder do partido, disse que não pretende deixar o governo, mas acrescentou que não irá juntar-se a uma unidade nacional.

“Esse acordo trouxe muitas questões…nós não podemos concordar com isso”, declarou Kammenos, após uma reunião com o primeiro-ministro, Alexis Tsipras.

O anúncio é prejudicial para o governo de apenas seis meses de Tsipras, que está lutando para manter uma maioria no Parlamento. Fonte: Associated Press.

Corrigido às 16h20min