Nobel de Economia vai para William Nordhaus e Paul Romer

Vencedores buscaram integrar mudança climática e inovação tecnológica com análise macroeconômica

Estocolmo – Os norte-americanos William Nordhaus e Paul Romer conquistaram o Prêmio Nobel de Economia de 2018 por integrarem mudança climática e inovação tecnológica com análise macroeconômica, anunciou a Academia Real Sueca de Ciências nesta segunda-feira.

“As descobertas deles ampliaram significativamente o escopo da análise econômica ao construir modelos que explicam como a economia de mercado interage com a natureza e com o conhecimento”, disse a academia em comunicado.

Com valor de 9 milhões de coroas suecas (1 milhão de dólares), o Nobel de Economia foi estabelecido em 1968, e não fazia parte do grupo original de cinco prêmios criado pelo testamento do industrialista sueco Alfred Nobel.