Ministro do Planejamento descarta “voo de galinha” da economia brasileira

O ministro do Planejamento afirmou que o crescimento será próximo de 2% neste ano e que o PIB mostrará o crescimento do setor privado

São Paulo – O ministro do Planejamento, Esteves Colnago, descartou o risco de o País viver mais um “voo de galinha” – ou seja, crescimento econômico insustentável – ao falar com investidores em fórum realizado pelo governo federal na zona sul da capital paulista.

Conforme Colnago, o crescimento da economia brasileira – que, segundo ele, será próximo de 2% neste ano – é consistente e diferente de ciclos de recuperação do passado, em que a economia crescia além de sua capacidade e gerava inflação que levava o País de volta à recessão.

Corroborando a avaliação do ministro do Planejamento, o secretário de política econômica do Ministério da Fazenda, Fábio Kanczuk, ressaltou que a retomada vem ocorrendo sem crédito subsidiado e tem os investimentos como grande destaque.

Ele adiantou que o PIB mostrará encolhimento do governo e crescimento do setor privado.