Luxemburgo considera risco de Grécia deixar Zona Euro

A saída pode acontecer caso a Grécia não cumpra as prometidas reformas e redução do déficit orçamentário

Washington – O ministro das Finanças de Luxemburgo, Luc Frieden, afirmou nesta segunda-feira que a Grécia pode ser excluída da Zona Euro caso não cumpra as prometidas reformas e redução do déficit orçamentário.

“Nosso cenário favorito é que a Grécia cumpra, que a Zona Euro forneça os fundos suplementares e que – insisto nesse ponto – haja monitoramento da implementação do que a Grécia prometeu”, disse Frieden em coletiva em Washington.

“Se não fizerem isso, penso que devemos continuar com 16 países”, disse.

Apesar disso, completou: “ainda acredito que devemos fazer o melhor possível para manter a Zona Euro com todos seus membros”.

A Zona Euro está prestes a adotar um plano de resgate para a Grécia de uma envergadura sem precedentes no mundo após a aprovação do Parlamento grego, no domingo, de um novo programa de austeridade exigido por seus credores.