Líderes europeus discutem proposta de Orçamento 2014-2020

Também serão discutidos os impactos da crise econômica internacional sobre a região

Brasília – Os chefes de Estado e de Governo dos 27 países que integram a União Europeia (UE) negociam hoje (22) e amanhã um acordo sobre o Orçamento para o período de 2014 a 2020.

Em discussão também os impactos da crise econômica internacional sobre a região. Países como Grécia, Espanha, Portugal e Itália são os que mais sofrem em decorrência dos efeitos.

Manifestantes promovem protestos em vários países europeus contra as medidas de austeridade adotadas pelos governos. As medidas são definidas pelas autoridades europeias atendendo às exigências dos credores internacionais, inclusive a própria União Europeia.

A possibilidade de acordo é considerada difícil por especialistas, pois o bloco está dividido entre os que defendem a austeridade – Reino Unido, Alemanha, Dinamarca, Suécia, Áustria, Holanda e Finlândia – e os que são contrários.

Para a maior parte dos líderes europeus, os cortes são excessivos em relação aos auxílios regionais. Com informações da agência estatal de notícias de Cuba, Prensa Latina.