Irã planeja sistema de câmbio com 3 taxas, diz agência

A governo fornecerá dólares para as importações de "bens básicos" pela taxa oficial, enquanto "bens intermediários e de capital" e "bens de luxo" terão taxas diferentes

Nova York – O governo do Irã planeja lançar um sistema de câmbio com três taxas diferentes para determinadas classes de importações, segundo noticiou hoje a Reuters, citando a agência oficial de notícias do país. Sujeito a diversas sanções internacionais em função do seu polêmico programa nuclear, o Irã viu sua moeda, o rial, perder quase metade do seu valor no último ano.

A taxa de câmbio oficial do governo é de 12.260 rials por dólar, mas como somente uma quantia limitada de dólares está disponível a essa taxa, a maioria dos iranianos só consegue comprar a moeda norte-americana por uma taxa não oficial de cerca de 19 mil rials por dólar, segundo a Reuters, que cita a agência ISNA.

Agora, o governo planeja fornecer dólares para as importações de “bens básicos” pela taxa oficial, enquanto “bens intermediários e de capital” devem ser oferecidos por uma taxa de 15 mil rials por dólar. Já “bens de luxo” serão importados usando dólares comprados a uma taxa livre, o que significa que o preço de produtos importados no Irã, como carros, deve subir. As informações são da Dow Jones.