Irã eleva exportação de petróleo em fevereiro, dizem fontes

Aumento nos carregamento é de cerca de 100 mil barris por dia, o que elevaria as exportações iranianas para pelo menos 1,3 milhão de bpd em fevereiro

Londres – As exportações de petróleo do Irã subiram mais em fevereiro, pelo quarto mês consecutivo, de acordo com fontes que monitoram os movimentos de navios petroleiros, em mais um sinal de que a redução das sanções ocidentais está ajudando o país a recuperar suas exportações.

O aumento nos carregamento é de cerca de 100 mil barris por dia (bpd), de acordo com uma empresa de rastreamento, o que elevaria as exportações iranianas para pelo menos 1,3 milhão de bpd em fevereiro.

A alta nos carregamentos acompanha um acordo provisório, alcançado em novembro com potências mundiais, em troca de uma redução no programa nuclear iraniano. O acordo, segundo fontes da indústria, melhorou o sentimento e reduziu as incertezas dos compradores.

Uma segunda fonte do setor de rastreamento de cargueiros, familiarizada com a movimentação do Irã, disse que mais petróleo seguiu para a Síria e para a Coreia do Sul em fevereiro.

Duas cargas foram descarregadas em águas da Indonésia, uma localização muitas vezes utilizadas pelo Irã para transferências de navio para navio.

“Mesmo sendo fevereiro um mês mais curto, nós observamos mais cargas sendo enviadas para a Síria”, disse a segunda fonte.

As vendas para os dois maiores compradores do Irã, a China e a Índia, ficaram em níveis estáveis.