IPC-S recua em cinco capitais na terceira quadrissemana

Considerando todas as capitais, o Índice de Preços ao Consumidor - Semanal subiu 0,50% na sondagem terminada em 22 de maio

São Paulo – A inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor – Semanal (IPC-S) perdeu força em cinco das sete capitais pesquisadas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) na terceira quadrissemana de maio. Considerando todas as capitais, o IPC-S subiu 0,50% na sondagem terminada em 22 de maio.

O índice ficou 0,05 ponto porcentual abaixo do verificado na apuração anterior, feita até o dia 15 deste mês, que ficara em 0,55%.

O IPC-S desacelerou em Brasília, de 0,48% para 0,41%; em Belo Horizonte, de 0,62% para 0,48%; no Rio de Janeiro, de 0,57% para 0,40%; em Porto Alegre, de 0,57% para 0,46%; e em São Paulo, de 0,43% para 0,41%. Em Salvador, houve aceleração de 0,68% para 0,83% e, no Recife, de 0,74% para 0,80% na terceira quadrissemana deste mês.