IPC-Fipe vai a 0,55% na primeira prévia do mês

Na mesma quadrissemana de abril, o Índice de Preços ao Consumidor foi de 0,14%

São Paulo – A inflação na cidade de São Paulo medida pelo Índice de Preços ao Consumidor (IPC) da Fundação Instituto de Pesquisa (Fipe) subiu para 0,55% na primeira prévia de maio. Em abril, o índice fechou em 0,47%. Na mesma quadrissemana de abril, a inflação foi de 0,14%. O índice ficou dentro das projeções de 22 instituições do mercado financeiro ouvidas pela AE e acima da mediana prevista, de 0,54%. A pressão maior veio das Despesas Pessoais, que contribuem com mais da metade da composição do índice.

Apenas três itens que compõem o índice tiveram alta entre a quarta semana de abril e a primeira deste mês: Despesas Pessoais, de elevação de 1,94% para 2,48%; Saúde, de 0,73% para 1,00%, e Habitação, que saiu de variação zero para alta de 0,03%. Educação manteve a alta de 0,04% entre os dois períodos.

Alimentação, que teve alta de 0,45% no último levantamento do mês passado, recuou para 0,42% nesta pesquisa. Transportes saiu de 0,18% para 0,17%. Vestuário tinha subido 0,89% no período anterior e, neste, avançou 0,74%. Confira as variações de cada item que compõe o IPC-Fipe nesta primeira quadrissemana de maio:

Habitação: 0,03%
Alimentação: 0,42%
Transportes: 0,17%
Despesas Pessoais: 2,48%
Saúde: 1,00%
Vestuário: 0,74%
Educação: 0,04%
Índice Geral: 0,55%