IPC-Fipe sobe 0,49% na 2ª quadrissemana de janeiro

Na segunda prévia de janeiro, perderam força ou migraram para deflação os grupos Habitação, Despesas Pessoais, Saúde e Vestuário

São Paulo – O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que mede a inflação na cidade de São Paulo, subiu 0,49% na segunda quadrissemana de janeiro, desacelerando em relação ao aumento de 0,55% observado na primeira quadrissemana do mês, segundo dados publicados hoje pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).

Na segunda prévia de janeiro, perderam força ou migraram para deflação os grupos Habitação (de 0,59% na primeira quadrissemana para 0,31% na segunda quadrissemana), Despesas Pessoais (de 0,37% para -0,16%), Saúde (de 0,58% para 0,57%) e Vestuário (de 0,03% para -0,11%).

Por outro lado, aceleraram os grupos Alimentação (de 0,57% para 0,77%), Transportes (de 0,84% para 1,14%) e Educação (de 0,64% para 1,14%).

Veja abaixo como ficaram os itens que compõem o IPC-Fipe na segunda quadrissemana de janeiro:

– Habitação: 0,31%

– Alimentação: 0,77%

– Transportes: 1,14%

– Despesas Pessoais: -0,16%

– Saúde: 0,57%

– Vestuário: -0,11%

– Educação: 1,14%

– Índice Geral: 0,49%