Investimento estrangeiro chega a US$ 7,7 bi em outubro

Tombini adiantou que o IED chegou a US$ 66 bilhões, em 12 meses encerrados em outubro

Brasília – O crescimento do investimento estrangeiro direto (IED), que vai para o setor produtivo do país, tem sido expressivo, segundo avaliação feita hoje (22) pelo presidente do Banco Central (BC), Alexandre Tombini, em audiência pública na Câmara dos Deputados.

Tombini adiantou que o IED chegou a US$ 66 bilhões, em 12 meses encerrados em outubro. No mês passado, esses investimentos chegaram a US$ 7,7 bilhões. Hoje, à tarde o BC vai divulgar a Nota do Setor Externo, com informações sobre os investimentos estrangeiros no país e as contas externas.

De acordo com o presidente do Banco Central, o Brasil é a quarta região do mundo que mais recebe IED, perdendo para a Europa, a China e os Estados Unidos.