Inflação medida pelo IGP-M cai 0,01% em janeiro

A taxa ficou dentro do piso das estimativas dos analistas do mercado financeiro, entre menos 0,12% e alta de 0,30%

Rio de Janeiro – A primeira prévia do IGP-M caiu 0,01% em janeiro, após subir 0,04% em igual prévia em dezembro do ano passado, segundo a Fundação Getúlio Vargas (FGV). A taxa ficou dentro do piso das estimativas dos analistas do mercado financeiro consultados pelo AE-Projeções (de -0,12% a 0,30%), e abaixo da mediana das expectativas (0,0%).

Nos três indicadores que compõem a primeira prévia, o IPA-M teve queda de 0,23% este mês, após cair 0,16% na primeira prévia de dezembro. O IPC-M apresentou taxa positiva de 0,56% na prévia anunciada hoje, após avançar 0,33% na primeira prévia do mês passado. Já o INCC-M avançou 0,10% na primeira prévia deste mês, em comparação com a elevação de 0,71% na primeira prévia de dezembro.

O IGP-M é muito usado para reajuste no preço do aluguel. Até a primeira prévia de janeiro, o índice acumula aumento de 4,26% em 12 meses. O período de coleta de preços para cálculo da primeira prévia de janeiro vai de 21 a 31 de dezembro do ano passado.