Inflação e renda afetaram desempenho de serviços às famílias

O segmento de Serviços prestados às famílias teve retração de 6,7% no volume em setembro ante igual mês do ano anterior

Rio – A inflação e o recuo na renda afetaram o desempenho dos serviços prestados às famílias no País, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O segmento de Serviços prestados às famílias teve retração de 6,7% no volume em setembro ante igual mês do ano anterior, após já ter recuado 8,2% em agosto e 1,9% em julho.

O resultado do último mês manteve a sequencia de variações negativas iniciada em maio de 2014.

No ano, os serviços prestados às famílias já diminuíram 5,0%. No acumulado em 12 meses, a queda foi de 4,5%. Os dados são da Pesquisa Mensal de Serviços.

O IBGE lembrou que, em setembro ante setembro de 2014, houve redução de 4,3% no rendimento médio real habitual e queda de 6,1% na massa de rendimento médio real habitual dos trabalhadores ocupados, segundo a Pesquisa Mensal de Emprego.

“Combinado com a variação de preços do item ‘alimentação fora do domicílio’ acima da média global do IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) de setembro, (a renda e a massa de salários) contribuíram para que o volume dos Serviços prestados às famílias recuasse 6,7%”, apontou o IBGE.