Inflação anualizada espanhola alcançou 2,1%, diz governo

Em junho, índice foi influenciado pelo aumento dos preços dos combustíveis, segundo dados oficiais

Madri – A inflação anualizada na Espanha foi situada em 2,1% em junho devido ao aumento dos preços dos combustíveis, segundo os dados oficiais divulgados nesta sexta-feira.

A taxa de inflação, que registra dois meses consecutivos de alta, segue inalterada em relação ao indicador antecipado publicado pelo Instituto Nacional de Estatística no último dia 27 junho.

O grupo que mais influenciou nessa alta além do transporte, que teve um aumento de 1,7% devido ao preço combustível, foi o dos alimentos e bebidas não alcoólicas, com uma alta de 3,7%, especialmente pelo aumento no preço das batatas e das carnes.

Em relação ao mês de maio, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) mensal subiu 0,1%, enquanto o núcleo da inflação – que exclui a variação dos preços dos alimentos frescos e a energia – se situou em 2%, um décimo abaixo do IPC geral.