Inflação anual nos EUA medida pelo PCE salta em março

Excluindo os componentes voláteis de alimentos e energia, o índice de preços do PCE subiu 1,9% nos 12 meses

Washington – Os preços ao consumidor dos Estados Unidos aceleraram no ano até março, com a taxa de inflação subindo para perto da meta de 2 por cento do Federal Reserve uma vez que as leituras fracas do ano passado saíram do cálculo.

A alta nas medidas anuais de inflação informada pelo Departamento de Comércio dos EUA nesta segunda-feira era esperada por economistas e autoridades do banco central do país e não deverá alterar o ritmo gradual de aumento da taxa de juros do Fed.

Os preços ao consumidor medidos pelo índice PCE saltaram 2 por cento na base annual em março. Esse foi o maior aumento desde fevereiro de 2017, após alta de 1,7 por cento em fevereiro.

Na comparação mensal, o índice ficou estável, depois de subir 0,2 por cento em fevereiro.

Excluindo os componentes voláteis de alimentos e energia, o índice de preços do PCE subiu 1,9 por cento nos 12 meses até março, o maior aumento desde fevereiro de 2017, após ter subido1,6 por cento em fevereiro. O chamado núcleo do PCE subiu 0,2 na comparação mensal, após avanço similar em fevereiro.