IBGE aponta PIB per capita estagnado em 2012

O desempenho da economia em 2012 foi o pior desde 2009, fazendo com que o PIB per capita também caísse

São Paulo – A alta de 0,1% do Produto Interno Bruto (PIB) per capita em 2012 sobre 2011 mostrou que o crescimento populacional do País foi muito próximo ao da economia brasileira no ano passado.

“A população cresceu 0,8% e o PIB cresceu 0,9%”, afirmou Rebeca Palis, gerente de Contas Nacionais do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). “O PIB ainda cresceu o suficiente para atender o aumento da população”, completou.

Rebeca explicou que, se a população brasileira não crescesse no ano passado, o PIB per capita teria um avanço de 0,9%. Em 2012, cada brasileiro gerou um PIB per capita de R$ 22.402, ante R$ 21.254 em 2011, um avanço em valores absolutos de 5,4%.

Em 2011, o PIB teve crescimento de 2,7% sobre 2010, enquanto o PIB per capita avançou 1,8%, ou seja, a população naquele ano cresceu 0,9%.

O desempenho de 2012 foi o pior desde 2009, ano de maior efeito da crise internacional sobre a economia e que levou o PIB per capita a uma queda de 1,3%. O resultado, no entanto, foi mais do que compensado pelo crescimento de 6,5% para essa medida de PIB apurada em 2010.