Grécia: 95,7% dos credores se comprometem com perdão da dívida

Detentores privados de 152 bilhões de euros em dívida grega (85,8%) aceitaram o perdão de forma voluntária

Atenas – O plano de reestruturação da dívida soberana grega ganhou a adesão de 95,7% de seus credores, informou nesta sexta-feira a Autoridade de Gestão da Dívida Pública (PDMA).

Os detentores privados de 152 bilhões de euros em dívida grega (85,8%) – dos 177 bilhões do total – aceitaram o perdão de forma voluntária.

A eles se somam os possuidores do resto da dívida inscritos em leis diferentes da grega, que enviaram seu ‘consentimento’ para proceder à reestruturação de seus títulos.

Segundo os cálculos da PDMA, a soma destes dois tipos de bônus chegaria a 197 bilhões de euros, ou seja, 95,7% dos 206 bilhões em dívida a reestruturar.

A Grécia precisava da participação de pelo menos dois terços de seus credores para realizar a troca dos bônus atuais por outros depreciados, na maior reestruturação de dívida soberana de sua história.