Governo nomeia novo assessor para reformas microeconômicas

O economista João Manoel Pinho de Mello será responsável por conduzir a implementação de medidas que visam aumento da produtividade da economia

Brasília – O economista João Manoel Pinho de Mello tomou posse nesta sexta-feira, 31, como chefe da Assessoria Especial de Reformas Microeconômicas do Ministério da Fazenda, recém-criada pela pasta.

Segundo o ministério, Mello será responsável por conduzir a implementação de medidas que visam aumento da produtividade da economia.

João Manoel Pinho de Mello possui graduação em Administração Pública pela Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas (EAESP-FGV, 1996), mestrado em Economia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio, 2000) e PhD em Economia pela Stanford University (2005). Foi professor assistente (2004-2010) e associado (2010-2013) do Departamento de Economia da PUC-Rio.

Antes de assumir a assessoria especial no Ministério da Fazenda, Mello era professor titular do Insper, Fellow na Harvard Kennedy School of Government e Lemann Visiting Scholar no David Rockefeller Center for Latin American Studies (Harvard University).