Governo anunciará em breve pacote para o energia e portos

No caso dos aeroportos, a presidente adiantou que a intenção é estabelecer um padrão de prestação de serviços compatível com o tamanho da movimentação aeroportuária

Brasília – A presidente Dilma Rousseff disse hoje (30) que anunciará, na próxima semana, conjunto de medidas para reduzir o custo da energia elétrica. Ela explicou que as medidas serão baseadas na reversão de concessões depois de vencido o prazo dos contratos e que haverá também a redução de encargos.

Na metade do mês de setembro, será feito ainda o anúncio para concessão de portos e aeroportos. No caso dos aeroportos, a presidente adiantou que a intenção é estabelecer um padrão de prestação de serviços compatível com o tamanho da movimentação aeroportuária brasileira.

O pacote de concessão de aeroportos levará em conta critérios como a polarização econômica, a movimentação turística e a acessibilidade para regiões mais distantes. A presidente explicou que, em alguns casos, haverá subsídios para aeroportos regionais.

“Essas medidas são úteis e necessárias para melhorar nossa situação conjuntural, mas não estão sendo tomadas só para aumentar o nível de investimentos. É para ter um sentido de longo prazo, que significa reduzir o custo do país. Essa é a única forma para enfrentarmos as décadas que virão. Temos de ter maior eficiência a produtividade”, disse Dilma, na 39ª reunião do pleno do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES).

As medidas a serem anunciadas completam o que foi iniciado com a concessão de rodovias e ferrovias, anunciada no último dia 15. Nessa área, o governo estipulou o investimento de R$ 133 bilhões em 25 anos.