Exportações de petróleo do Brasil se recuperam e batem recorde em julho

Exportações registraram recorde de 8,10 mi de toneladas em julho, volume quase três vezes maior que o de junho e 50 por cento superior ao mesmo mês de 2017

Rio de Janeiro – As exportações de petróleo pelo Brasil registraram recorde de 8,10 milhões de toneladas em julho, volume quase três vezes maior que o de junho e 50 por cento superior ao mesmo mês de 2017, apontaram dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) nesta quarta-feira.

Em junho, as exportações da commodity haviam somado 2,86 milhões de toneladas, em meio a um aumento da utilização das refinarias da Petrobras, devido a uma alta da demanda por produtos refinados no mercado brasileiro, segundo afirmou anteriormente a petroleira à Reuters.

A Secex não apresentou explicações para a elevação das exportações de petróleo pelo Brasil.

Neste ano, a Petrobras colocou duas novas plataformas em operação: a P-74, no campo de Búzios, na Bacia de Santos, em abril, e a plataforma Cidade de Campos dos Goytacazes, no campo de Tartaruga Verde, na Bacia de Campos, em junho.

Mas a Reuters publicou no mês passado que os volumes a partir do campo de Búzios devem começar a ser embarcados apenas a partir de outubro.

Outras quatro plataformas vão entrar em operação no quarto trimestre deste ano, contribuindo com o desenvolvimento ainda maior da industria petroleira no país, que já é o maior produtor da América Latina.