Euro cai frente ao dólar e ao iene

No fim da tarde em Nova York, o euro caía para US$ 1,3546, de US$ 1,3594 no fim da tarde de ontem, e recuava para 138,63 ienes, de 139,38 ienes

Nova York – O euro recuou nesta terça-feira, com a crescente diferença entre os yields da dívida dos governos dos EUA e da zona do euro tornando o dólar mais atrativo para os investidores.

Nas últimas sessões, os juros dos bônus de dez anos vendidos nos EUA e no Reino Unido subiram, enquanto os equivalentes dos bunds alemães não avançaram na mesma medida, dando aos investidores motivo para buscar o dólar e a libra em detrimento do euro.

A disparidade entre os yields é decorrente das políticas monetárias divergentes do Banco Central Europeu (BCE), do Federal Reserve e do Banco da Inglaterra (BoE).

Segundo Richard Cochinos, estrategista do Citigroup, as medidas de estímulo anunciadas pelo BCE na semana passada motivou gestores a buscarem ativos denominados em dólar, em vez de euro.

“Os Treasuries estão sendo vendidos mais que os bunds alemães ou a dívida italiana”, afirmou. “Isso é positivo para o dólar.”

A moeda americana também recebeu impulso das expectativas por dados bons dos EUA esta semana, que podem pressionar o Fed a elevar as taxas de juros antes do esperado.

No fim da tarde em Nova York, o euro caía para US$ 1,3546, de US$ 1,3594 no fim da tarde de ontem, e recuava para 138,63 ienes, de 139,38 ienes.

O dólar caía para 102,34 ienes, de 102,54 ienes. A libra tinha queda para US$ 1,6757, de US$ 1,6802. Fonte: Dow Jones Newswires.