EUA vai divulgar lista de importações chinesas com tarifas até 15 de junho

Os Estados Unidos devem impor tarifa de 25% sobre US$ 50 bilhões em bens da China importados que contenham tecnologia industrial

São Paulo – A Casa Branca divulgou na manhã desta terça-feira um comunicado onde mantém a investida tarifária contra a China, ao afirmar que os Estados Unidos irão impor uma tarifa de 25% sobre US$ 50 bilhões em bens chineses importados que contenham tecnologia industrial significativa, como fruto do memorando assinado pelo presidente americano, Donald Trump, para proteger a tecnologia e a propriedade intelectual do país.

No comunicado, a Casa Branca aponta que a lista final de produtos chineses que serão afetados pela tarifa será anunciada até 15 de junho “e as tarifas serão impostas sobre essas importações logo em seguida”.

Ainda no comunicado, o governo americano afirma que os EUA também irão implementar “restrições específicas de investimento e controles de exportação aprimorados para pessoas e entidades chinesas relacionadas à aquisição de tecnologia”. As propostas de restrições devem ser anunciadas até 30 de junho e serão implementadas logo em seguida.

Além disso, a Casa Branca aponta que os EUA continuarão a buscar processos na Organização Mundial do Comércio (OMC) devido a violações à propriedade intelectual americana “baseados em práticas discriminatórias da China para o licenciamento de propriedade intelectual”. Washington apresentou o caso relativo a essas violações em 23 de março.