EUA registram aumento de reservas de petróleo

Nos sete dias encerrados em 8 de abril, os estoques comerciais aumentaram em 6,5 milhões de barris e ficaram em 536,50 milhões

Os estoques de petróleo dos Estados Unidos subiram mais do que o esperado na semana passada, embora a produção tenha caído, apontaram os dados divulgados nessa quarta-feira pelo Departamento de Energia.

Nos sete dias encerrados em 8 de abril, os estoques comerciais aumentaram em 6,5 milhões de barris e ficaram em 536,50 milhões.

Analistas da agência de notícias Bloomberg esperavam um aumento de um milhão de barris e a associação profissional American Petroleum Institute calculou um crescimento de 6,2 milhões.

Os estoques de petróleo subiram 10,9% em relação ao mesmo período do ano passado e, segundo o relatório do Departamento de Energia, “continuam em níveis historicamente elevados para esta altura do ano”

Já as reservas de gasolina caíram 4,2 milhões de barris. Os analistas consultados pela Bloomberg esperavam queda de 1,5 milhão, enquanto a API previa uma redução de 1,6 milhão.

As reservas de destilados aumentaram em 500.000 barris. A Bloomberg estimava um crescimento de 200.000 barris e a API uma queda de 500.000.

A produção americana caiu em 31.000 barris por dia, a 8,97 milhões de barris diários.

As reservas do terminal de Cushing, que servem de referência para cotar o petróleo em Nova York, tiveram um recuo de 1,7 milhão, a 64,6 milhões de barris.