EUA convocam concurso para gerar emprego na América Latina

''Vamos encontrar as melhores ideias e ajudar a transformá-las em negócios de sucesso que agreguem valores e gerem postos de trabalho'', disse Hillary

Washington – A secretária de Estado americana, Hillary Clinton, anunciou nesta quarta-feira um concurso de jovens empreendedores com o objetivo de ajudar a desenvolver suas ideias e criar empregos na América Latina.

”Vamos encontrar as melhores ideias e ajudar a transformá-las em negócios de sucesso que agreguem valores e gerem postos de trabalho em todo o hemisfério”, disse a secretária de Estado em uma conferência.

Hillary participou do Fórum Global da Diáspora que reconhece o trabalho das comunidades dos imigrantes vindos do mundo todo e lhes encoraja a contribuir para o desenvolvimento e a manter relações diplomáticas com seus países de origem.

A secretária de Estado destacou o ”enorme potencial” da diáspora para ajudar a solucionar problemas e criar oportunidades em seus países de origem, ”podemos avançar, reinvestindo”, disse.

Hillary encorajou os presentes a utilizar as novas tecnologias como o Twitter para compartilhar suas experiências bem-sucedidas e assim evitar a ”fuga de cérebros” que acontece em diversas partes do mundo, contribuindo com o desenvolvimento de seus próprios países.

Em termos de desenvolvimento internacional, este esforço conjunto somado ao trabalho da comunidade internacional para reduzir a pobreza e melhorar a vida de milhões de pessoas ”pode ser um esforço definitivo”.

Além disso, considerou que desenvolver a atividade empreendedora pode ser uma receita para estimular um maior crescimento econômico nos Estados Unidos e ser uma esperança para a reconstrução de sociedades após conflitos ou desastres.

”Isto é uma prioridade para nós”, assinalou, porque ”o crescimento (econômico) e as políticas econômicas estão ligadas e apoiamos ambas”.

”Tanto se trata de um negócio rentável como de uma ONG inovadora”, declarou, ”é possível ajudar a trazer o progresso e a prosperidade a um país”.