Espanha está otimista com acordos UE-A. Latina

Madri – O secretário de Estado para região ibero-americana espanhol, Juan Pablo de Laiglesia, disse hoje estar “otimista” sobre o fechamento das negociações dos acordos comerciais entre a União Europeia e a América Latina e assinalou que, de não alcançá-lo, será um “fracasso” de todas as partes envolvidas.

Laiglesia fez a afirmação durante um discurso em um seminário sobre os acordos que estão sendo realizados hoje e amanhã na Casa da América de Madri.

O acordo ocorre a poucos dias da Cúpula UE-América Latina e Caribe, que será realizada em 18 de maio, em Madri.

A perspectiva de se transformarem em “parceiros globais”, o Haiti e a mudança climática deve centralizar as conversas.

Inovação, tecnologia e educação como ferramentas imprescindíveis para sair da crise econômica e financeira também estarão em pauta.

O secretário de Estado espanhol assinalou que o objetivo é que essa Cúpula não seja só um encontro político, mas sirva para elaboração de um “Mapa de Caminho e um programa de trabalho” para que essas relações sigam avançando.

Destacou a importância que a UE e a América Latina deixem de ser “sócios birregionais” para se transformarem em “sócios estratégicos no cenário global”.