Embarques de soja em maio bateram recorde, diz MDIC

O bom resultado foi fortemente influenciado pelo preço das commodities

Brasília – O diretor de estatística e apoio à exportação do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Herlon Brandão, afirmou há pouco que superávit de US$ 2,761 bilhões registrado em maio é o maior resultado mensal desde agosto de 2012. O bom resultado foi fortemente influenciado pelo preço das commodities.

Em maio, o volume exportado de soja, de 9,3 milhões de toneladas, foi recorde. Diferentemente do minério de ferro, cujo preço no mês passado foi o menor desde 2006, queda de 60% em relação ao preço de 2014.

Brandão afirmou ainda que o comportamento para o mês é superavitário. “Já tivemos superávit de até US$ 4 bilhões para maio”, afirmou Brandão. O diretor também disse que houve aumento de 10% no volume vendido e queda de 23,4% no preço ante maio de 2014.

Petróleo

Segundo Brandão, o déficit na conta petróleo faz com que o saldo global da balança comercial continue negativo. O saldo da conta petróleo está negativo em US$ 2,305 bilhões no acumulado do ano. Sobre as importações para o mês de maio, Brandão afirmou que o resultado reflete a situação econômica e cambial do país.

“O menor nível de atividade econômica gera menor demanda por produto importado”, disse. As importações apresentaram queda de preço de 10,2% e de 8,8% de volume.