Economia pode se recuperar no segundo semestre, diz Levy

O ministro da Fazenda avalia que a economia pode começar a se recuperar no 2º semestre, caso o governo seja rápido em implementar uma série de medidas

Washington – A economia brasileira pode começar a se recuperar no segundo semestre deste ano, caso o governo seja rápido em implementar uma série de medidas que têm o objetivo de reconquistar a confiança dos investidores, disse o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, nesta segunda-feira.

Falando a repórteres antes de um evento organizado pelo Fundo Monetário Internacional (FMI), em Washington, Levy disse que o governo precisa focar nas reformas para trazer investimento ao país.

“Se nós tomarmos as providências necessárias com rapidez, nós temos bastante chance de ver um segundo semestre, uma segunda metade do ano, favorável para economia”, disse.

“No momento, temos que começar a focar cada vez mais em reformas do lado da oferta”, disse Levy, referindo-se a medidas que poderiam impulsionar a produtividade ao simplificar o sistema tributário e reduzir a burocracia.

Mais tarde, durante o evento organizado pelo FMI, Levy disse que o Brasil está se preparando para enfrentar uma desaceleração econômica global “persistente”.