Dilma: Brasil pode usar crise para dar salto de desenvolvimento

Dilma disse ainda que o grande desafio de seu governo é garantir saúde, educação e segurança de qualidade à população

Brasília – A presidente Dilma Rousseff disse hoje (30) que o Brasil pode usar este momento de crise econômica que atinge países desenvolvidos para dar um salto de desenvolvimento. Segundo ela, é preciso coragem para enfrentar situações como essas.

“Temos a convicção de que crise a gente não enfrenta se apequenando, se atemorizando, sendo covarde; a gente enfrenta é com coragem. Coragem significa ter consciência da nossa força e ter a firme determinação de que temos todas as condições de transformar essa crise em um outro momento de salto para o Brasil”, disse ao acrescentar que isso ocorreu após a crise econômica enfrentada em 2008.

Dilma disse ainda que o grande desafio de seu governo é garantir saúde, educação e segurança de qualidade à população. A presidenteassegurou que irá usar toda sua determinação para isso. “Vou perseguir isso 24 horas por dia.”

Ela participou no final desta manhã, em Cupira (PE), de cerimônia onde foram assinados os primeiros 37 contratos no âmbito do programa de Financiamento das Contrapartidas do Programa de Aceleração do Crescimento (Cpac), no valor total de R$ 300 milhões, entre o governo federal, a Caixa Econômica Federal e o governo do estado de Pernambuco.