Desemprego na zona do euro retrocede a 10,3% em janeiro

Os analistas previam que o índice de desocupação do bloco monetário se manteria sem mudanças em janeiro

O desemprego na zona do euro caiu em janeiro a 10,3%, um décimo a menos do que em dezembro, seu nível mais baixo em quatro anos e meio, informou nesta terça-feira a agência de estatísticas Eurostat.

Os analistas previam que o índice de desocupação do bloco monetário se manteria sem mudanças em janeiro, a 10,4% da população ativa, devido à desaceleração da China e às turbulências nos mercados financeiros.