Desemprego na Espanha desce ligeiramente em abril

A queda do desemprego em 6.632 pessoas em abril com relação a março acontece após oito meses consecutivos de altas

Madri – O desemprego na Espanha caiu em 6.632 pessoas em abril com relação a março, após oito meses consecutivos de altas, informou nesta sexta-feira o Ministério de Emprego e Seguridade Social.

Com estes dados, que contabiliza as pessoas sem trabalho registradas nas repartições públicas de emprego, o número total de desempregados ficou em 4.744.235.

No entanto, segundo a última Enquete de População Ativa (EPA), publicada na semana passada, o desemprego aumentou na Espanha em 365.900 pessoas no primeiro trimestre deste ano, alcançando 5.639.500, ou seja, 24,44% da população ativa.

De acordo com os dados publicados hoje pelo Ministério de Emprego e Seguridade Social, desde abril de 2011, quando o desemprego desceu em 64.309 pessoas, este contingente aumentou em 474.875.

Por setores, o desemprego subiu em abril só na indústria, em 1.828 pessoas, enquanto desceu nos serviços, em 8.304; na construção, em 1.388; e na agricultura, em 1.241.