Desemprego em 7 regiões caiu em agosto, diz Dieese/Seade

A taxa recuou de 10,9% em julho para 10,6% em agosto

São Paulo – A taxa de desemprego nas sete regiões metropolitanas onde a Fundação Seade e o Dieese realizam a pesquisa de emprego e desemprego recuou de 10,9% em julho para 10,6% em agosto. O nível de ocupação cresceu 0,4%, na comparação com julho.

A pesquisa é realizada nas regiões metropolitanas das seguintes capitais: Distrito Federal, Belo Horizonte, Fortaleza, Porto Alegre, Recife, Salvador e São Paulo. O total de ocupados nas sete regiões foi estimado em 19,9 milhões e o total de desempregados chega a 2,355 milhões de pessoas.

Segundo o levantamento, o nível de ocupação subiu em Salvador (+2,1%) e em São Paulo (+0,6%), apresentou ligeira variação em Belo Horizonte (+0,1%), no Recife (+0,2%) e em Fortaleza (+0,3%), entre julho e agosto. Não houve variação no Distrito Federal, mas em Porto Alegre o nível de ocupação caiu 1,0%, no mesmo período.

Os rendimentos médios reais dos ocupados no conjunto das sete regiões cresceu 1,2% entre junho e julho, para R$ 1.632,00. Os rendimentos médios reais dos assalariados também cresceram, em +0,6% no período, para R$ 1.677,00.